Revista médica e científica internacional dedicada a profissionais e estudantes de medicina veterinária.

Número da edição 29.1 Other Scientific

Peritonite Infecciosa Felina

Publicado 04/01/2021

Escrito por Elizabeth A. Berliner

Disponível em Français , Deutsch , Italiano , Español e English

O agente causal da PIF provavelmente é o vírus mais evasivo e frustrante de diagnosticar e tratar dos muitos vírus que afetam o gato. Elizabeth Berliner oferece uma revisão da doença e algumas dicas sobre os tratamentos que estarão disponíveis muito em breve.

Peritonite Infecciosa Felina

Pontos-chaves

A Peritonite Infecciosa Felina (PIF) é o resultado de uma mutação do coronavírus felino (FCoV, sigla em inglês) ubíquo.


Os fatores de risco de PIF incluem gatos com menos de 2 anos de idade, alojamento em grupos e exposição a eventos estressantes, incluindo os procedimentos cirúrgicos e a introdução em um novo lar.


A obtenção do diagnóstico muitas vezes não é uma tarefa fácil e depende de uma combinação de informações coletadas no histórico e nos sinais clínicos, apoiadas por testes diagnósticos; a sorologia para a detecção de FCoV nunca deve ser usada isoladamente para fazer um diagnóstico de PIF.


Os sinais clínicos da PIF (geralmente, um quadro terminal) costumam evoluir com muita rapidez. Embora o tratamento tradicional seja pouco satisfatório, atualmente existem algumas terapias experimentais promissoras sob investigação


Gostaria de acessar mais conteúdo?

Profissionais e estudantes de medicina veterinária podem criar uma conta com acesso às informações mais recentes desenvolvidas por especialistas de renome mundial.

Criar uma conta

Já possui uma conta? Acesse aqui.